Mutirão Sebrae

Mutirão “Valorize o Pequeno Negócio” marca celebração do dia da micro e pequena empresa em todo o MA

Em São Luis, percorrendo corredores comerciais da Cohab e Cohatrac, 130 técnicos do Sebrae visitaram empreendimentos nos dois eixos. Captação de demandas, levantamento de necessidades e cumprimentos pela data, marcam ação, que ocorreu simultaneamente em 14 cidades do Maranhão.

Maranhão - 5 de outubro é o dia dedicado às Micro e Pequenas Empresas. As celebrações pela data iniciaram-se na última quinta-feira (03), com o Mutirão “Valorize o Pequeno Negócio" organizado pelo Sebrae, em todo o Brasil, como marco da data.

No Maranhão, cerca de 400 técnicos do Sebrae deixaram o ambiente normal de trabalho para ir literalmente ao encontro dos pequenos negócios, ouvir suas necessidades e desafios e captar demandas de como o Sebrae pode ajudar esses negócios a se fortalecer e crescer de forma sustentável.

Em São Luís, o mutirão, que contou com a participação de cerca de 130 técnicos da instituição, percorreram os corredores comerciais da Cohab e Cohatrac. Na capital, acompanharam a ação o presidente do Conselho Deliberativo Estadual – CDE/Sebrae, Raimundo Coelho e o diretor técnico do Mauro Borralho.

“Muito oportuno esse momento em que, aproveitando para parabenizar os pequenos negócios, guerreiros que ajudam a movimentar a economia do nosso estado e do país, levamos aos empreendedores a mensagem de que o Sebrae pode ajudá-los a crescer e se desenvolver, oferecendo todo apoio e soluções que eles precisam para vencer e se diferenciar no mercado, sendo realmente o parceiro que os pequenos negócios necessitam”, comentou o presidente Raimundo Coelho.

“Considero muito importante o feedback que recebemos dos empresários, sobre quais são os desafios que eles encontram para crescer com segurança. Isso nos possibilita planejar ações para atendimento do empreendedor a partir de suas necessidades especificas. Levamos o nosso abraço, os cumprimentos pela importância dos pequenos negócios para o Brasil e deixamos a mensagem de que o Sebrae está presente e tem totais condições para apoiar esses negócios, que são a verdadeira força da nossa economia, analisou o diretor Técnico Mauro Borralho, ressaltando que outras ações dessa natureza devem ser empreendidas pelo Sebrae em locais de grande densidade empresarial e de forte fluxo comercial nos próximos meses.

Desafios - Demandas por divulgação, orientações de como fazer o marketing e melhorar a gestão do negócio, informações sobre onde e como formalizar um pequeno negócio e sobre como controlar as finanças da empresa, dentre outras, foram apresentadas aos técnicos por empreendedores como Lívia Moraes e Remédios Magalhães, respectivamente gerente e colaboradora das Lojas Maísa, localizada na Cohab.

O empreendimento, uma loja de móveis e eletrodomésticos, se ressente de ações de marketing para captação de clientes, para se diferenciar dos concorrentes e da falta de orientações sobre como gerenciar o negócio de forma segura para obter melhores resultados. “Precisamos desse apoio, porque temos uma concorrência forte e acirrada. Vamos buscar ajuda junto ao Sebrae para planejar ações que possam nos ajudar nesse desafio”, explicou a gerente.

No mesmo caminho está Nina Cantanhede, do salão Espaço das Divas, no bairro da Cohab, que abriu as portas há pouco tempo e vem trabalhando para se manter em atividade, mesmo com as dificuldades gerais do mercado. “Começamos há pouco tempo e precisamos de apoio para que o negócio cresça e fique cada vez mais forte. A legalização do negócio, por exemplo, é algo que preciso fazer. Para isso, preciso de informação e de ajuda do Sebrae”, relatou a empreendedora.

Do gerente da Unidade Regional de São Luís, Mauro Formiga, a empreendedora ouviu orientações sobre como buscar, junto ao Sebrae, o apoio em todas as fases do negócio. “É importante buscar informações sobre a formalização e sobre as soluções que o Sebrae oferece que podem ajudar a fazer a diferença para o negócio. Temos soluções, inclusive on line e sem custos para o empreendedor, que podem ajudar muito”, explicou o gerente,

“Acreditamos que o empreendedor é a força que movimenta o Brasil e por isso precisa de apoio e toda a ajuda para se fortalecer. Recebemos, com prazer, a visita do Sebrae, que demonstra a importância desses negócios", opinou Josenildo Santos, prestador de serviços da Odonto Company, Cohab, destacando que a parceria com o Sebrae é importante para gerar empregos e melhorar o desempenho dos negócios, especialmente os pequenos.

Ações em todo o Brasil

As comemorações continuam durante esta semana em todo o país. Nas 27 unidades da federação, haverá ações para reunir o empresariado e atender o público com orientações. Também será feito um mapeamento apontando os principais desafios que os empresários enfrentam e as soluções mais indicadas para resolver cada diferente situação.

Pequenos Negócios

No Brasil, os pequenos negócios representam 99% do total de empresas privadas, ou seja, 14 milhões de empreendimentos. Esses negócios empregam 55% do total de trabalhadores com carteira assinada e são responsáveis por 27% do PIB. Os números mostram a força das micro e pequenas empresas para o desenvolvimento econômico e social do país.

No Maranhão, são quase 98% dos negócios ativos, segundo dados da Junta Comercial do Maranhão, MEI: 35%; ME: 40%; EPP: 22%.