Sebrae celebra parceria com Undime e Unesco para promover Educação Empreendedora no Maranhão

Proposta é tornar acessível o tema de empreendedorismo a todos os estudantes na educação básica a partir das diretrizes da Base Nacional Comum Curricular.

Um movimento em favor da educação empreendedora tem dado passos importantes no Maranhão, como é o caso da parceria entre o Sebrae, a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime/MA) e a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Reunidos nesta terça-feira, no I Encontro Estadual dos Dirigentes Municipais da Undime/MA, em São Luís, os parceiros reforçam a importância dos conteúdos empreendedores para a formação dos futuros maranhenses, que podem ter maior protagonismo sobre suas escolhas. 

 

“Vejo como principal ganho da educação empreendedora a transformação das pessoas. Elas passam a fazer escolhas mais assertivas, a ver um mundo de maneira mais ampla, o que se reflete nos demais aspectos de sua vida, conectando com as mudanças que acontecem ao seu redor, nas profissões, no mercado. E isso está intimamente ligado aos municípios, onde todos nós vivemos e estabelecemos nossas relações. É nesse lugar que os resultados de uma educação voltada para a transformação aparecem de forma mais contundentes, porque as pessoas tendem a buscar uma vida melhor, emprego melhores, uma renda maior e isso gera desenvolvimento”, argumentou o diretor técnico do Sebrae no Maranhão, Mauro Borralho de Andrade ao fazer sua participação no evento.

 

Voltado para dirigentes municipais de educação, o encontro está reunindo até quinta-feira, 25, no auditório do Sebrae Jaracaty, de forma sequenciada, um público específico para pensar os caminhos da educação em tempos de pandemia. “E não podemos deixar de falar na educação empreendedora, um dos pilares da Educação de Incentivo em 2021. Colocar a educação empreendedora dentro dos municípios é fundamental para esse momento e contexto de pandemia. Precisamos fazer o impossível se tornar possível e mostrar para as famílias e para o aluno que ele pode, sim, empreender educação dentro de sua casa. E o Sebrae tem sido um grande incentivador e parceiro desta causa”, destacou o presidente da Undime, Marconny Pinheiro.  

 

Estiveram presentes ao evento, ainda, o presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), perfeito Erlânio Xavier (Igarapé Grande), a secretaria adjunta de Educação do Estado, Nádya Dutra e a coordenadora do Unicef-MA, Ofélia Silva.

 

“O fortalecimento da Educação no estado tem sido consequência dessa proximidade maior com os educadores nos municípios e a atuação conjunta pelo bem dos estudantes e desenvolvimento sustentável do Maranhão”, apontou a secretaria adjunta, Nádya Dutra, ressaltando, ainda, a parceria do Sebrae com a Secretaria de Estado da Educação, voltando-se para o ensino médio e que, certamente, “é de suma importância para que o aluno encontre perspectivas de um futuro ainda mais promissor”.

 

Agenda nacional

A parceria do Sebrae, Undime e Unesco visa contribuir para a promoção de educação no contexto de emergência da covid-19, com abrangência nacional, por meio da disseminação de formações online de educação empreendedora para profissionais de educação, que serão disponibilizadas para secretarias municipais de educação a nível nacional, gestores, diretores, profissionais de educação e alunos. A proposta é avançar para tornar acessível o tema de empreendedorismo a todos estudantes na educação básica a partir das diretrizes da Base Nacional Comum Curricular.

 

“Se não fossem as parcerias não conseguiríamos avançar nessa temática. E no ano passado, apesar da pandemia e do distanciamento, conseguimos sair de um patamar de 65 para 132 municípios fazendo uso das soluções Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP) e do Crescendo e Aprendendo. Isso foi possível porque o digital ajudou a escalonar o atendimento, tanto a alunos quanto a professores, porque também temos soluções e capacitações voltadas para o corpo docente”, informou o diretor do Sebrae.

 

 

Com números relevantes de 7.400 professores capacitados e 144 mil alunos atendidos nos últimos cinco anos, o Sebrae vem avançando em seu Programa Nacional de Educação Empreendedora no estado. Para 2021, a meta capacitar 5 mil professores e atender a mais de 50 mil alunos.

 

“O desafio é ousado, pois ainda vivemos em um contexto pandêmico, mas temos certeza que podemos, fazendo uso das tecnologias e do digital, termos um ganho relevante quando se trata de educação empreendedora no Maranhão. Esta é uma das agendas estratégicas para o Sebrae Nacional e para nós do Sebrae Maranhão por todas as transformações e crescimento que oportuniza para as pessoas e para os territórios”, pontuou Mauro Borralho de Andrade.

 

 

 

Mais informações:

Assessoria de Imprensa do Sebrae no Maranhão

(98) 3216-6133

 

Central de Relacionamento Sebrae: 0800 570 0800

Facebook.com/sebraema

Youtube/umcsebraema

Twitter: @Sebrae_Ma

Instagram: @SebraeMaranhao